segunda-feira, 12 de abril de 2010

É melhor ser alegre que ser triste.

Texto de 19/06/2008


Não sei se isso é mal feminino, mas se não sou eu, são minhas amigas reclamando de “Por que tem que ser assim?”.
Somos muito “sofridas”. Não acredito que façamos tempestade em copo d’água, mas acho que sofremos demais. Somos ansiosas, impacientes, nervosas, ciumentas. Isso tudo nos faz sofrer por antecipação. Fico a me perguntar, porque não esperamos pra ver o que é, por que não deixamos o tempo se encarregar de nos mostrar, porque queremos pressupor, e sofrer antes?
Perdemos tanto tempo de alegria passando raiva, ficando tristes.
Cheias de indagações de sentimentos confusos...
Quando chegamos na fase de “porque isso acontece comigo? Porque eu sofro tanto? Pq nunca dá certo?”. Calma meninas. Todo mundo passa por isso. “O fim é belo e incerto, depende de como você vê.” Isso acontece com vc porque você ta vivendo. Quem vive se abre pra qualquer coisa, se arrisca e experimenta. Nem sempre essas experiências são boas, ou nos deixam felizes, mas de algo servem. Que seja para apredermos, para ensinarmos. É preciso viver para ser feliz. É preciso se dar oportunidades para experimentar a alegria real. Todas somos cheias de amores mal resolvidos, lembranças que machucam, casos que nos entristecem. Quando um amor não dá certo, sofremos, não entedemos o que fizemos pra ter que passar por aquilo. Não, vc realmente não merece. Ninguém disse que merecia. Mas pelo menos você viveu. Acredito que temos tristezas nessa vida para quando encontrarmos o potinho de ouro, a felicidade verdadeira, darmos o valor merecido. Ser feliz não é para qualquer um. E a felicidade só é bonita se a tristeza deu lugar a ela. Se a tristeza já esteve com vc e tem ensinou que ser feliz é bem melhor. Então não se preocupe se a fase estiver difícil, se chorar for rotina, se sofrer for sentimento constante. Se ajeita que a vida só ta preparando o caminho pra felicidade. Deixa a tristeza reformar tudo ai, pra quando a alegria chegar, é só se acomodar e se sentir em casa.

“È melhor ser alegre que ser triste. A ALEGRIA é a melhor coisa que existe. Mas para fazer UM SAMBA COM BELEZA é preciso um BOCADO DE TRISTEZA.”

7 comentários:

  1. Tentar é preciso. Saber enfrentar as consequencias, é essencial. E tenho dito: qualquer tentativa vale apena quando o fim anuncia uma nova descoberta.

    ResponderExcluir
  2. que bom vir aqui. ótimo texto
    Muito bonita essa foto aqui ao lado...
    Maurizio

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Você gosta de ler?
    Então acho que você vai gostar do meu blog de livros:

    Amor, Mistério e Sangue

    Ele é especializado em Suspenses Românticos, mas de vez em quando eu falo sobre outros gêneros de livros também.
    Quando puder, me faça uma visitinha e se quiser me seguir, eu vou adorar!

    ResponderExcluir
  4. Creio que isso acontece por serem vcs pessoas de aprimorado poder intuitivo. Isso é quase como um instituto evoluído de auto-defesa. Sofrem por medo de sofrer. Preferem acreditar que não é verdade, do que aceitar a efemeridade do momento. Não, não estou fazendo críticas, em momento algum. Gosto deste instinto de sobrevivência, de auto-defesa que vcs têm. Mas, não posso deixar de ratificar com tuas próprias palavras, que isso é algo que prende, ao invés de libertar.

    Complicada responsabilidade de gerir a vida, e, suas próprias escolhas.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Nós, os homens, agimos de forma totalmente oposta... Esperamos que o problema esteja completamente instalado, para só daí tomarmos alguma iniciativa ou não! Dessa forma também temos infortúnios e sofrimentos para viver tal e qual vocês mulheres, pois, todos nós estamos sujeitos às mesmas alegrias e tristezas.

    "É que o samba é a tristeza que balança e a tristeza tem sempre uma esperança..."

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Disse tudo:
    mulher parece combinar
    alegria e sofrimento
    com uma habilidade ímpar!

    Já escrevi a respeito
    em minha confeitaria poética.

    Deixo o convite para uma visita! : )

    Beijo,
    doce de lira

    ResponderExcluir
  7. É Clara quando se está feliz é facil falar da tresteza com certa esperança, mas qunado se etá triste ou melhor se é triste, já fica mais difícil, concordo com você e com Vinícius de Moraes melhor ser alegre que ser triste, mas como você mesma disse felicidade não é para qualquer um. de alguém que já foi feliz, mas agora é triste. abraços e felicidades.

    ResponderExcluir